The Covenant e meu fds! ;*

ora ora.. já acabou o filme.. "The Covenant" e o brigadeiro!

[haushaushaushau] xD
Na verdade, eu assisto esse filme quase que todos os dias (hoho) por dois motivos:
uma porque fala sobre algo que realmente me interessa..
e outra, por causa do Caleb, Ô delicinha! (haioehaiehaoiehaoiehoia)

- PS: eu ainda vou pegar um moreno desse pra mim! ;*




(STEVE STRAIT, é MEU.. bjs!)
____________


- E amanhã, Quel?!

Hummmm.. vou levantar cedo (milagre né!?), refazer minha escova/chapinha, almoçar, bater perna no centro, comprar o presente do Vih *-*, e mais a tarde vou provar minha fantasia pro baile a fantasia do CCJ mês que vem (huhuhu) .. E depois, a partir das 9h da noite, começará tooooda aquela sessão, todo aquele ritual para eu poder curtir minha balada, na White House com a super participação do Dj Marcel, o Intrusoooooooo! *-*


SUMEMOOOOOOOOO!
• Tô aproveitando cada segundo da minha vida, porque o ventos me sopraram boas novas ;)
Eles estão fortes nessa noite de sexta-feira, hãn?! (uhuhuhuhu)

___ FIM ;D


♪ don't cha - pussycat dolls -

1 comentários:

~ Vinícius Camargo 22 de agosto de 2008 21:18  

Nhaaa
queria ir na white i.i ¹²³¹²³
=(
nhaw...
bom dia amanha kel
amo ¹²³

Raquel, 19 anos.

Raquel, 19 anos.
Se na vida eu apanho, outras vezes eu bato, mas trago a minha blusa aberta e uma rosa em botão!

moonfate ♥


Conheci uma mulher,
cujo sorriso brilhava

mesmo nunca tendo a visto, muitas vezes eu senti
seu olhar a me sorrir.

Sua alma era irmã da minha,
e em cada sonho que tinha

para lá eu me transportava,
por desejar ardentemente

ser como ela, pura alegria.

Um dos desejos que eu tinha, mais que tudo nesse mundo:
vê-la feliz e contente,
envolta na própria magia.


Mas ela me confessou,
com irreverência e desdém

ter o destino da lua:
'que a todos encanta e,
não é de ninguém.'


Eu pude ver claramente,
que a sua alma tão meiga

não era irmã simplesmente..
era cópia fiel da minha..
feliz ou infelizmente!

Sou uma filha da natureza:

quero pegar, sentir, tocar, ser.
E tudo isso já faz parte de um todo, de um mistério.
Sou uma só... Sou um ser.
E deixo que você seja. Isso lhe assusta?
Creio que sim.
Mas vale a pena.
Mesmo que doa.
Dói só no começo.