Que mulher nunca teve..

Um sutiã meio furado,
Um primo meio tarado,
Ou um amigo meio viado?

Que mulher nunca tomou
Um fora de querer sumir,
Um porre de cair
Ou um lexotan para dormir?

Que mulher nunca sonhou
Com a ex dele morta, estendida,
Em ser muito feliz na vida
Ou com uma lipo na barriga?

Que mulher nunca pensou
Em dar fim numa panela,
Jogar os filhos pela janela
Ou que a culpa era toda dela?

Que mulher nunca pensou
Para que ter a perna depilada,
Para que aturar uma empregada
Ou para que trabalhar menstruada?

Que mulher nunca comeu
Uma caixa de Bis, por ansiedade,
Uma alface, no almoço, por vaidade
Ou, um canalha por saudade?

Que mulher nunca apertou
O pé no sapato para caber,
A barriga para emagrecer
Ou um ursinho para não enlouquecer?

Que mulher nunca jurou
Que não estava ao telefone,
Que não pensa em silicone
Que "dele" não lembra nem o nome?


______
HAHAHAHAHA, gente achei isso numa comu do orkut e TIVE que postar!

Tenham uma ótima semana! ;*

'Ele..♥

Meus olhos se encheram de lágrimas, quando me inspirei ao ouvir nossa música.. =]


Hoje, ele teria me trazido pra casa depois de uma nova ceia de natal, ele teria ficado conversando horas comigo no portão de casa, sem se preocupar com o tempo..Teria tomado chuva ontem comigo e talvez, se resfriado devido á sua baixa resistência. Talvez, ele tivesse dormido em casa e, hoje a tarde, teríamos assistido a minha comédia favorita, eu o teria feito gargalhar até as lágrimas rolarem pelo seu rosto, e seu abdômen ficar dolorido com todas as minhas piadas, expressões e caretas.
Depois do filme, eu o mandaria embora.. ele tomaria um banho, e voltaria mais tarde pra me buscar; mas estaríamos sem dinheiro. Aí, ele se sentaria no chão do meu quarto, e ficaria conversando comigo sobre os planos pra 2009, sobre onde passaríamos o carnaval, onde iríamos reunir galera pro primeiro churrasco do ano ou ele ficaria me perguntando quais seriam minhas expectativas pra faculdade do ano que vem..talvez ele implicasse comigo sobre alguns scraps do orkut, mas então, eu montaria um álbum com as fotos dele no meu orkut ou, talvez deletaria meu orkut.. melhor né!?
Orkut dá uma dor de cabeçaa!
Cansada de tanto falar e ele cansado de tanto me ouvir falar, eu encostaria minha cabeça no ombro dele e começaria a relembrar todos os momentos que eu pensei que o amor não existia, que eu ficaria sozinha por muito tempo, que eu seria pra sempre uma pessoa bem humorada, racional, bem sucedida mas solteira..sem acreditar nas verdadeiras razões da vida, eu seria vazia!
Entre meus pensamentos, eu me declararia pra ele.. contaria todos esses meus pensamentos e perguntaria a ele como ele se sentia antes de me encontrar, dos medos que ele sentiu quando me conheceu e nos recordaríamos de todos os obstáculos do nosso relacionamento e suspiraríamos felizes em saber que depois de toda tempestade, vem a calmaria..e que pessoas boas, esperançosas recebem SIM suas recompensas..
Eu teria vivido um dia perfeito, um dia diferente, eu teria compartilhado do amor que vive aqui dentro...

se ele simplesmente existisse!

Não necessariamente um Edward Cullen, viu?!



Minha sorte ser exigente.. eu sempre conheço os melhores! ;)

___________

Mããããs, quanto a minha sextcha-feira..foi MARA! kkkkk
Saímos de role entre garotas, compramos BALALAIKA maldita e uma Coca firmeza e já era!
Pouca bosta falamos?! E só a Mô pra deita no chão comigo em um lugar totalmente sem iluminação nem orelhão pra falar de **** ... UAHUAHUAHUAHAUHUAHUA.. *mijei de rir*

Jááá no sáááábado, aquele showzinho especial, dos melhores gunners que eu já conheci.
Agora, jamais contarei os detalhes do pré-show, do show e do pós-show... só quem é, entende!
ÔôÔ meu crube favoriiiiiiiiiiiiito.. mas Císsa, jamais esqueça..
"não deita na calçada porque o cachorro DEFECA aí" (AHUAHAUHAUHAUHAUAHUA)

Iiiiiiiiiiiiiiii no duminguuuuuuu.. cheguei às 7h da manhã em casa, acordei às 2h da tarrrrde, fui dar um role básico com a Mô e a galerinha mais firmezaaa do domiingo e, depois encontrei outros bests da minha vida no teatro.. pra uma apresentação fora de série das Duas Notas.. a noite teria sido perfeita, se eu tivesse feito o correto! :)


Estou realmente satisfeita comigo;
porque no final,
o que eu ganho ou o que eu perco,
ninguém precisa saber!

- Eu faço minha felicidade, e eu a compartilho! SEM MEDO!

Lesson number ONE.

Essa deusa que lhes entorpece os sentidos, precisa de um tempo para ela mesma. Ela descobriu como as coisas realmente são...E ela está bastante empolgada com isso!

Vejam eu me importar.. ;@

• Eu tô plugada na vida, eu tô curando a ferida.

"Eu tô plugada na vida, eu tô curando a ferida!"

Novas lições eu tirei hoje, percebi que ser flexível, compreensível, sensível e paciente o tempo todo nem sempre é o melhor a se fazer; por todas as vezes que eu fui racional e tentei traduzir, ler as entrelinhas de alguém, agir mais com a razão do que com a emoção, eu não me dei bem..

Eu sou humana, eu tenho o direito de errar, o dever de reparar mas talvez esteja na hora de eu começar a errar mais pra aprender..aprender mais! Porque se eu continuar do jeito que eu tô, eu vou acabar me contentando com isso e terminarei sendo o que eu nunca quis ser: uma pessoa acomodada.
Eu vou sair, vou me arriscar, vou viver como eu quiser, ainda que de um modo consciente e responsável, é claro.

[...] Eu já fiz a minha parte, e o que tiver que ser, será!
Mas eu não vou ficar sentada em frente a um computador esperando pela resposta de ninguém.
Eu tô feliz demais pra não querer compartilhar isso com alguém.

Que venhaa 2009!
Espero que seja um ano de conquistas e surpresas! ;)


"E a gente vai á luta, e conhece a dor..
consideramos justa toda forma de amor!"

RAINHAS FOGUETE! (Rocket Queen)

'Se eu disser que não preciso de ninguém, posso dizer isso para você. Porque eu posso excitar qualquer pessoa, assim como eu excitei você. Tenho uma língua igual a uma navalha, como um doce canivete..Eu posso te fazer favores mas depois você fará o que eu quiser! Aí está você e nós somos as rainhas foguete! Eu posso ser jovem, mas querido eu não sou ingenua. Aqui estou e nós somos as rainhas foguete.. Ah é. Eu posso ser demais.. Mas querido, você é um pouco obsceno!

[Guns N' Roses SÁBADOOOOO, CARA***]

APRENDI..

Que ser VIP não significa ser o único!
Porque a pessoa mais importante da minha vida, sou EU! ;*

É, cansei. :D

um "simples" desejo.

meu desejo, nesse exato momento é simples;
eu queria ter seis asas, fortes o suficiente pra voar até onde eu quisesse,
e eu voaria diretamente pra um lugar onde não existissem pessoas..
ou talvez eu seguisse até lá a cavalo, algo que eu sempre quis,
ir para uma floresta, ou até uma cachoeira, a noite mesmo..
Eu, finalmente analisaria tudo que eu quisesse, sem hora pra voltar pra casa;
eu escolheria meus pensamentos mais intrigantes,
eu deixaria minhas preocupações em casa..e o celular principalmente.
Eu gostaria de estar usando um vestido longuíssimo,
carregado de tecidos, de alguma cor clara, de alças grossas..
assimétrico e, eu estaria descalça.
Sentir de perto a umidade das pedras perto da cachoeira, molhar meu cabelo,
ouvir os sons naturais até que eu pudesse adormecer..
talvez acordar com a sensação de que eu poderia voltar pra casa,
quando tudo estivesse resolvido, quando todas as incertezas tivessem ido embora,
quando todos os meus amigos resolvessem ser mais..
justos comigo e com alguns outros.
Tudo tem acontecido de um modo silencioso
e eu odeio o silêncio porque nessas horas..
ele condena, ele diz a verdade (na maioria das vezes).
Eu queria poder acreditar que ainda existe algo totalmente diferente,
de tudo que eu já vivi,
..o contrário de tudo que eu já conheci.
Principalmente, eu gostaria de conhecer um novo ponto de vista
sobre o amor. Ele é a base de tudo isso,
certamente um novo ponto de vista sobre ele, talvez me desse alguma esperança,
alguma direção para eu repensar sobre como ele exatamente é e porque acontece.

oh, Where?!?!?!

"Eu a assisti levantar seu rosto para a chuva fina com seus olhos fechados, um leve sorriso nos lábios. No quê ela estava pensando? Algo nesta cena parecia estranho, e eu logo percebi por que esta postura parecia tão pouco familiar para mim. As garotas normais não levantariam o rosto para a garoa deste jeito – as garotas normais em geral usavam maquiagem, mesmo neste lugar úmido. Bella nunca usava maquiagem, nem deveria." [...]

(Midnight Sun, Capítulo 6 - Tipo Sanguíneo)


- Onde estão os Edward's de nossas vidas? :S

Capítulo 12: uma escolha, um final.

[...]
Chovia aquela noite..
e como se um flash tivesse surgido dentre meus pensamentos, eu percebi que
procurar não era mais a questão,
eu já o tinha encontrado; ele era mais do que eu queria, exatamente o que eu precisava, mas a escolha dele não era compatível com a minha..ele NÃO queria o mesmo que eu;

ele tinha seus motivos, seus pensamentos indecifráveis.. encantador de qualquer maneira; tentador do seu próprio jeito, inocente.
Como eu poderia desistir de alguém que eu sempre quis? O que eu faria com toda minha ânsia de viver tudo que eu havia guardado por tanto tempo? Porque ele não acreditava que comigo ele jamais sofreria? O que o fez pensar que eu o amarraria ao pé da mesa e o proibiria de ser feliz?
Talvez, houvesse a explicação mais óbvia pra tudo isso e, infelizmente eu teria que
aceitar: ele simplesmente não gostava de mim.
Eu cheguei a imaginar que eu seria alguém suficientemente capaz de fazê-lo mudar de idéia, de mostrar a ele o que eu realmente era e o que eu realmente queria pra ele, mas ele não me ouviu o suficiente.
Faria diferença isso agora? A decisão dele foi tomada, e eu.. parei pra prestar atenção no som da chuva nas árvores lá fora; aqueles sons naturais me anestesiariam até eu dormir? De qualquer jeito, eu não podia fugir da verdade;
ela veio, eu a esperei ansiosamente..embora desconhecesse como ela realmente era.
Eu nunca tive medo, mas isso não mudaria nem um pouco o que eu sentia.
Eu ia seguir em frente, eu não tinha outra opção e, de certo modo, eu estava preparada, como sempre estive.
Inevitável, sempre.
[...]

um dom, um segredo. ♥

'Ele' só precisaria descobrir meu segredo; isso o contaminaria o suficiente pra me reconhecer e não querer mais me largar, nunca mais.

Isso bastaria pra sempre, ainda que eu...




=x

descobertas!




[...]

Entre meus 'novos pensamentos', alguns quase-sustos, eu descobri quando exatamente um dos meus dons se manifestam, e eu estou realmente satisfeita comigo, uma descoberta a cada dia!


Agora soh falta 'ele' pra eu poder compartilhar de toda minha felicidade! =]


empty.

...No começo, a leitura Twilight, pareceu me preencher (a alma),
ou ao menos me fez acreditar nisso no começo,
eu me envolvi intensamente com a história.
Mais do que um conto de fadas;
e então, tornou-se um vício, devorei cada página, absorvi e sofri com cada personagem,
pra chegar no último livro e me sentir assim, cheia.. mas impotente.
Carreguei tantos sentimentos para mim de uma única vez, e o que eu farei com eles?
Deveria escrever um livro? Que horrível.. =\
#
Começou a me fazer mal, mas ainda preciso disso.. é confuso se sentir assim. É meio.. inexplicável, uma sensação completamente desconhecida de qualquer outra que já tive.
Eu só não queria estar sozinha nessa hora, tão cheia de sentimentos como tenho estado ultimamente..
eu preciso desabafar, compartilhar, porém não existe alguém que me entenda;
eu só queria ser normal, ou ao menos não ser tão pensativa como eu sou!

Decode ..ME! ♪


Como eu posso decidir o que é certo? Quando você está embaçando minha mente? Eu não consigo vencer sua luta perdida o tempo todo. Como eu poderia possuir o que é meu, quando você sempre está mudando de lado? Mas você não vai tirar meu orgulho de mim..Não, não desta vez..Como nós chegamos aqui? Quando eu costumava te conhecer tão bem. Mas como nós chegamos aqui?Bem, eu acho que eu sei! A verdade está escondida nos seus olhos e, está pendurada na sua língua! Apenas fervendo no meu sangue..Mas você acha que eu não consigo ver qual tipo de homem você é? Se é que você é um homem. Bem, eu vou descobrir isso por conta própria (Eu estou gritando "Eu te amo tanto")..Por conta própria (mas meus pensamentos você não consegue decodificar).
Como nós chegamos aqui? Quando eu costumava te conhecer tão bem. Mas como nós chegamos aqui? Bem, eu acho que eu sei..Você vê o que fizemos? Nós estamos fazendo nós mesmos de bobos. Você vê o que fizemos? Nós estamos fazendo de nós mesmos uns bobos.
Como nós chegamos aqui? Quando eu costumava te conhecer tão bem! Mas como nós chegamos aqui? Quando eu costumava te conhecer tão bem..Eu acho que eu sei! Eu acho que eu sei..Tem alguma coisa que eu vejo em você, isso vai ve matar, eu quero que seja verdade!

[PARAMORE]



thoughts..♥

Adivinhem?
Me and my thoughts, once again;


ééééé.. estou naquela deprê pós vestibular, torcendo, rezando pra que eu tenha passado,
sim, porque eu dependo MUITO disso..eu preciso realmente fazer alguma coisa da vida, certo?
Aham!

Mas, mais uma vez, eu apenas me decidi no campo 'profissional' ou 'universitário' da vida.. meus sentimentos mais uma vez, estão sendo deixados de lado, ou talvez não.. ainda não me decidi.
Tudo tem reagido em mim com um calma tão misteriosa, que eu chego a ter medo de mim mesma..
como posso estar reagindo as coisas desse jeito? Eu realmente mudei, talvez eu esteja mais próxima de me tornar a mulher que eu sempre quis ser e, o melhor.. eu não perdi aquele meu espírito otimista, divertido! =]
Mas isso me preocupa.. me contentarei apenas em ser quem eu sou? Meus sonhos teriam se 'sacrificado' para tornarem-se reais.. e aí?

Confesso ainda querer curtir muito minha vida, mas quem foi que disse que alguém me atrapalharia nisso? Porque curtir a vida..sozinha? Já não basta todo o tempo, sozinha?
É realmente complicado quando você se vê querendo dividir tudo o que você sente, tudo que você é e, saber que até agora não encontrou ninguém disposto a isso..e quando acha que encontrou a pessoa certa, ela não demonstra o mesmo interesse que você. Ou sei lá, talvez esconda o que ela realmente sente ou pensa, perante a vida.
É FODA.. coração é terreno onde ninguém pisa, ninguém explora.

Mas a minha maior preocupação, ainda é com o vestibular.. hehe;
torçam por mim ! i.i

Qual tipo de namorado PERFEITO? .. EDWARD CULLEN! ♥



Um cara normal diria: “Eu te amo, amor!”
Edward Cullen diria: “Você é minha vida agora.”

Um cara normal diria: “Eu acho que estou me apaixonando por você.”
Edward Cullen diria: “O leão se apaixonou pelo cordeiro.”

Um cara normal diria: “Seu cabelo parece uma palha; vá escovar isso!”
Edward Cullen diria: “Seu cabelo parece uma palha mas eu gosto.”

Um cara normal escolheria uma música aleatória de um artista qualquer e dedicaria a você.
Edward Cullen cantaria para você uma música que ele escreveu para você enquanto toca piano.

Se você morrer, um cara normal encontraria outra.
Se você morrer, Edward se mataria porque a vida sem você não vale a pena ser vivida.

" — Bem, eu não ia viver sem você. — Ele revirou os olhos como se este fato fosse óbvio até para uma criança. — Mas não tinha certeza de como fazer… Eu sabia que Emmett e Jasper não me ajudariam… Então pensei em talvez ir à Itália e fazer algo para provocar os Volturi. "

Quando você saísse de casa, um cara normal diria: “Tchau, até mais!”
Quando você saísse de casa, Edward Cullen diria: “Volte para mim, amor.”

Ele sorriu meu sorriso favorito. “Volte para mim.”“Sempre.”

Quando você voltasse para casa, um cara normal estaria assistindo TV e nem notaria.
Quando você voltasse para casa, Edward Cullen estaria te recebendo com uma música no piano só para você.

“Ouvi a música quando estava fora do carro. Edward não havia tocado desde a noite em que Alice foi embora. Agora, enquanto eu fechava a porta, eu ouvi a música se transformar na minha canção de ninar. Edward estava me dando boas vindas."

Um cara normal esperaria que você fizesse o café da manhã dele.
Edward Cullen te faria café da manhã todos os dias.

Quando vocês dois saíssem para jantar fora, um cara normal não tiraria os olhos da garçonete sexy.
Edward Cullen nem notaria que a garçonete era uma mulher.

Quando estivessem longe um do outro, um cara normal diria: “Sinto sua falta.”
Quando estivessem longe um do outro, Edward Cullen diria: “É como se você tivesse levado metade de mim com você.”

Um cara normal nem se importaria ou perceberia se você tivesse pesadelos.
Edward Cullen cantaria até que os seus pesadelos fossem embora.
“Você quer que eu cante para você? Eu canto a noite inteira se isso afastar seus pesadelos.”

Um cara normal faria isso com todas.
Edward Cullen
apenas faria isso apenas com uma.

Um cara normal compraria flores e chocolates para você.
Edward Cullen compraria um Mercedez a prova de MISSIL para você.
(A MELHOR PARTE! AHSUSHUSAHSUAHASU)

Ele..

- Hoje, me dei conta que, para alguém ser "perfeito" pra mim, ele deve ter algum tipo de poder sobre mim; (o mesmo que eu acredito ter sobre alguns..alguma coisa que nem sempre é legal em mim)..
Ele deve conseguir me derreter simplesmente com palavras, poucas..alguém que consiga me surpreender ou me decepcionar, porque NUNCA conseguiram fazer isso comigo, sabe..
parece que, de certo modo, eu sempre estive "preparada" para certos tipos de coisas..e se, alguém conseguisse me surpreender, me impressionar ou até mesmo me decepcionar, mostrar que é muito mais do que eu esperava, certamente, me chamará a atenção.



[Ele ainda está há alguns dias de mim..pelo menos o único que chegou perto de me provocar algumas dessas sensações..]





*Irresistível..*








..e que venha DEZEMBRO!

confissões.

Confesso, ter andado inconsequente, insegura e cheia de incertezas, o tempo me trouxe tudo isso.. a certeza de não poder fazer nada, se não esperar, não me enfraqueceu, mas agora, tem me deixado com os pés mais no chão. Não sou sozinha, embora, está tenha sido minha escolha ultimamente.. em casa, tenho pensado e repensado no que seria melhor pra mim e, algo me surpreendeu. Eu ainda não sei explicar, exatamente, o que me surpreendeu, mas isso também me motivou a seguir em frente e não desacreditar de nada. Talvez, seja algo que nunca me abandonou, e resolveu despertar no momento certo. É bom, e eu não tenho medo.

Depois de algumas decepções do passado, as pessoas geralmente mudam de idéia, e resolvem, de maneira, aparentemente irrevogável, a curtir a vida intensamente, desacreditando de novas pessoas em suas vidas e por vezes, fazendo outras pessoas sofrerem com seus atos por impulso, envolvendo pessoas que nada tem a ver com seus 'fracassos ou decepções' passadas, sabe?

Quase entrei pra tal grupo de pessoas:

' estava curtindo intensamente a minha vida, mas de repente, você se dá conta que depois de cada show farto de bebidas, gritos e zueira, que depois de cada barzinho, cada balada, você sempre acaba voltando sozinho pra casa, sem ter com quem contar no dia seguinte, porque dificilmente, você encontraria alguém que queira algo sério, na mesma vida que você estava levando, certo?! Se bem que chega uma hora, que parece que tudo isso não tem mais importância, até o momento que você descobre que ainda existe SIM, alguém que te faça mudar de idéia, alguém que valha a pena, alguém que seja exatamente igual a você, alguém que mexe com você. Alguém que te prova que aquilo que você desacredita, ainda existe, e te faz sentir de novo, a melhor sensação do mundo.. mesmo que esse alguém, não seja o principal responsável por tais sensações, é aí, onde o mistério entra.. é irracional,

e bastaria saber que 'quanto mais você ama, menos tudo faz sentido.'

Ou você se entrega e vê que realmente tudo valerá a pena,

ou você vive no medo da incerteza e pode estar desperdiçando uma chance de ser feliz novamente.

de novo, de novo! ♥

Acordei com o seu gosto, e a lembrança do seu rosto..Porque você se fez tão lindo? Mas agora você vai embora, quanto tempo será que demora, um mês pra passar? A vida inteira de um inseto, um embrião pra virar feto, a folha do calendário, o trabalho pra ganhar o salário. Mas daqui a um mês, quando você voltar, a lua vai tá cheia e, no mesmo lugar...
Se eu pudesse escolher, outra forma de ser, eu seria você. E a saudade em mim agora, quanto tempo será que demora, um mês pra passar? Ser campeão da copa do mundo, um dia em Saturno, pra criança que não sabe contar vai levar um tempão.

Daqui a um mês, quando você voltar, a lua vai tá cheia e, no mesmo lugar!

so what?!


Então, e daí?
Eu ainda sou uma estrela do rock,
Eu tenho meus movimentos roqueiros,
E eu não preciso de você.
E adivinhe só!?
Eu estou me divertindo mais..
E agora que acabamos,
Eu vou te mostrar essa noite..
Eu estou bem, muito bem!
E você é um idiota;
Então, e daí?
Eu sou uma estrela do rock.
Eu tenho meus movimentos roqueiros..
E eu não te quero essa noite!


...

..é uma saudade inevitável, um sentimento inexplicável;
só Deus sabe de onde tenho tirado forças pra aguentar o que tenho passado.. em silêncio.
Tantas incertezas, uma enorme insegurança e uma vontade de ser feliz que não cessa..uma vontade de querer compartilhar isso com ele, mesmo que não seja amor ainda mas, eu não desperdiçarei.


'E, o mesmo tempo que conserta, que cicatriza, ele também separa, distancia.
O fim do ano está chegando.. mar, preciso te conhecer! *-*

Odeio viver na incerteza,
e no silêncio, quando minha vontade é gritar;
'mas não há nada que se possa fazer, esse é o problema.
Ainda se vendesse paciência...
esperarei, mais uma vez, o tempo!


#..e que venha minha recompensa!

Incertezas.

Ágape*, surpreendeu-me por diversas vezes numa mesma semana..Sem nenhum motivo aparente.
Enquanto Eros*, explodia em mim toda vez que eu ouvia a mesma música instrumental. Parecia amor demais pra uma pessoa só, eu não estava mais aguentando.
Porque nunca tive a oportunidade de dividir tamanho amor com ninguém? Posso ter errado em algumas escolhas, ter me iludido com certas pessoas; talvez, a maior culpa disso tudo, fosse minha; mas acho que acima dos meus erros, meus feitos bem intencionados poderiam me trazer alguma recompensa. Eu sempre esperei por alguém que não tivesse muito, talvez um abraço me confortando e uma certa convicção enquanto me dizia "tudo vai acabar bem", me fariam extremamente bem, agora. Não queria desacreditar do "amor" de alguém por mim ainda, mas é inevitável.
Quando pensei que, finalmente, tivesse chegado minha vez, hora de dividir e cultivar com alguém tudo aquilo que sempre existiu de bom dentro de mim, a distância veio e o afastou de mim; arrancando-me fora (quase) todas as esperanças.
Mas a dor começa a ficar cada vez mais incômoda, quando começamos a repensar "será que realmente vale a pena, passar o que passamos por tal pessoa?"
Comecei a reparar também que tenho desperdiçado palavras demais para pessoas que ou não precisam ouvir ou simplesmente não as compreendem, não as absorvem. Apenas as acham "bonitas", concordam sem ao menos levar em consideração a dimensão do que há por trás de tudo isso. Isso me entristece, absurdamente.



"Depois da tempestade, vem a calmaria."
Espero que minha calmaria, tenha Nome e Sobrenome..depois de tanto tempo!

- Será pedir demais?

Edward Cullen & Bella Swan

Inc♥mum.

[...]
Me vi tão envolvida com uma história que nunca me pertenceria, que comecei a viver meus dias ainda mais isolada, meu hábito alimentar mudou e minha sede mudou completamente; me perguntava se seriam coisas da idade, falta de outros assuntos (do que fazer, na verdade) ou se todo mundo já sonhou em viver um grande amor. Não exatamente igual ao que eu estava lendo, mas sim, um amor onde as confidências, os desejos e, principalmente, os obstáculos eram inevitáveis. As pessoas ultimamente não se declaram, vivem muitos clichês; o eu te amo, infelizmente, 'já era'.
Eu lamentava por viver num lugar tão desinteressante, mesmo que as pessoas fossem legais e gostassem de mim, eram muito acomodadas, pareciam satisfeitas com o que tinham, e não buscavam mais, não gostavam nem um pouco de demonstrar o amor que sentiam, ou ao menos, gostariam de sentir. Raros eram meus amigos que pensavam o mesmo que eu, e esses, eu os considerava especiais.
Desse modo, fui desacreditando cada vez mais do amor entre as pessoas normais; eu nunca me considerei normal...
Confesso que já quis ser normal, mas algo em mim, não aceitaria essa comodidade que as pessoas têm e, eu seria infeliz, certamente.
(Minha mãe me interrompera, apareceu na janela do meu quarto e eu comentei com ela algumas 'novidades' que eu acabara de descobrir virtualmente, mais decepções...ou não).
Antes de começar aquele livro, daquela história espetacular de amor, eu passei por alguns momentos que me marcaram; finalmente, eu conseguira ficar com alguém que eu teria gostado há um bom tempo atrás, e ele, pelo que me parecia, gostava da minha companhia também. Até que eu gostava de interpretar certas atitudes, mas quando começamos a gostar da pessoa, isso vira um vício; você passa a querer descobrir o que ele quis dizer com aquilo, ou o que ele realmente pensou quando dissera tal coisa; passamos a interpretar, praticamente todo o tempo, cada sorriso silencioso, cada olhar perdido, cada palavra proferida, cada gesto, cada carinho. Mas, ele não vivia por aqui e, o tempo era o único que cuidaria de tudo isso, ao meu ver.
Enquanto nada acontecia, eu me entreguei de tal maneira a história de Edward Cullen e Bella Swan, eu me sentia feliz por aquele amor entre os dois existir, fora que assim como meu amigo me disse, eu, embora não estivesse apaixonada por um vampiro (rs), tinha muito de Swan em mim. Eu não costumava muito admitir quando realmente começava a amar alguém, mas quando eu o descobria e via sua intensidade, me entregava completamente.
Eu sempre fui do tipo "prefiro sangrar com cortes de amor, do que viver sem cicatrizes"; eu jamais abandonaria essa idéia, esse trecho de uma das minhas canções favoritas.
Eu vivi esses últimos dias de um modo estranho mas, interessante; enquanto passava por algum lugar ou fazia alguma coisa, minha mente automaticamente começava a descrever aquele momento como se fosse página de um livro. A história estava me tomando absurdamente mas, eu não me importara nem um pouco com aquilo, sinceramente. Quem sabe, algum dia, eu não começaria a descrever como seria o Edward da minha vida, pra valer. Amor em mim não faltava, jamais faltaria. E eu sempre esperei por alguém assim, que me amasse e mesmo diante de obstáculos, não tivesse medo ou vergonha de me assumir, de se entregar ao amor que possivelmente sentiria por mim, de me fazer declarações, surpresas ou se sentisse enciúmado quando me visse próxima a algum (des)conhecido; eu nunca encontrara alguém disposto a viver algo com tanta intensidade...
Mais uma vez, ou as pessoas eram acomodadas demais, ou eram bem ignorantes para entender a dimensão do amor, para se entregar a ele, sem se preocupar com opiniões alheias ou o que o destino lhes reservava.

'não me importava de onde meu amor surgira, como ou porque nasceu..mas sim, o que eu faria com ele quando o descobri em mim!'
Essa frase, não me deixava o pensamento. Também não sabia o porque ela tinha chegado até mim, como se fossem essas 'vozes interiores' que todos temos, sabem?
Estranho, mas ainda assim, interessante...
O medo, certamente, me abandonara de vez.
Em seu lugar, a sede de viver uma aventura, eu desejara mais que tudo, viver o final de 2008 cercada de bons momentos, dignos de se escrever uma bela história de fim de ano.
[...]

the LOVE


"talvez,
o que realmente importa não é como, quando ou porque nasceu o amor, tampouco sua dimensão;
mas sim, o que você faz com ele a partir do momento que o descobre em você!

Depende exclusivamente de você..
compartilhá-lo, rejeitá-lo, alimentá-lo ou matá-lo."




mentaliza essas frases!

And Be careful what you wish for
'cause You just might get it
Y-You just might get it
Y-You just might get it

And Be careful what you wish for
'cause You just might get it
Y-You just might get it
Y-You just might get it..

Get it?


[E cuidado com o que você sonha,
porque você pode conseguir,
você pode conseguir,
você PODE conseguir! ]



______ Boa sextaaa! ;*

imagem do dia! ♥ UASUHASU

by Viiih

Incondicionalmente, amor.

Um velhinho foi a uma de suas consultas periódicas ao médico, um pouco apressado. E o médico perguntou:
- Pq a pressa?
Ele respondeu:
- Todos os dias neste horário vou visitar minha esposa que está num asilo.
Então, o médico disse:
- Então vcs matam as saudades, batem papo, namoram um pouquinho!
E o velhinho respondeu:
- Não! Ela não me reconhece mais, por causa de sua doença.
E o médico perguntou:
- Mas pq então tanta pressa para vê-la, já q não o reconhece mais?
E com um sorriso no rosto, o velhinho responde:
- Mas eu a reconheço! Eu sei quem ela é e o q representa na minha vida há tantos anos. Por isso todos os dias eu a reconquisto, como se cada conquista fosse única e verdadeira.Este é o verdadeiro amor, INCONDICIONAL!

Foi Deus..

Eu queria um cara 'daquele jeito..';
talvez bonito, mas de preferência bem humorado, sossegado..
talvez, alguém como eu mas na versão masculina;
ele seria interessante e, não muito modesto hehe.
Mas eu nunca desacreditei dos planos de Deus e, Ele acabou me mostrando uma pessoa que era muito mais do que sonhava, muito mais do que eu queria.
Ainda não é 'O amor', mas também não é em vão.
Eu apaixonada de novo, é caso raro, mas é verdade. Não consigo e não posso fugir.
Há tempos que eu não lia um olhar tão entorpecente, não interpretava um sorriso com tanta alegria, não me divertia de um modo tão simples..
Tenho guardado os finais de semana para mim, para meus pensamentos e para meu descanso..não físico, mas mental.
Tenho planejado as coisas pro ano que vem: a faculdade, as possibilidades de emprego, o curso que eu sempre quis, o hobbie que eu espero desenvolver com a fotografia.
E o que eu tenho sentido ultimamente tem me motivado a muitas coisas, graças a Deus; eu tenho estado tão feliz e agradecida, sem medo algum..eu queria poder dividir e mostrar pra muita gente que é só a gente acreditar pra conseguir;

"só é pecado, quando falta amor".. essa é uma das frases que eu tenho pensado na última semana.

De repente, começo a baixar uma música do "macarrão" rs. Isso me fez lembrar de uma coisa extremamente boa, mais uma vez..
mais do que eu podia sonhar, foi pura realidade!
Que Deus permita que isso continue, que abençoe e que possa fazer o mesmo pras pessoas que sempre esperaram por isso!
É MUITO bom! É só não ter medo, não deixar de sonhar..

• Antes viver sangrando com cortes de amor, do que morrer sem cicatrizes!

NO fear.

eu não tenho medo;

- NÃO TENHO MEDO..NÃO!

Maybe, love.

sábadãoo.. em casa! -.-'


PHOTO, just.

Quanto tempo demora um mês.. ♥

"Acordei com o seu gosto e a lembrança do seu rosto, porque você se fez tão lindo? Mas agora você vai embora, quanto tempo será que demora, um mês pra passar? A vida inteira de um inseto, um embrião pra virar feto, a folha do calendário e o trabalho pra ganhar o salário. Mas daqui a um mês, quando você voltar, a lua vai tá cheia e no mesmo lugar... Se eu pudesse escolher, outra forma de ser..Eu seria você. E a saudade em mim agora, quanto tempo será que demora um mês pra passar? Ser campeão da copa do mundo, um dia em Saturno, pra criança que não sabe contar vai levar um tempão.

Mas daqui a um mês, quando você voltar, a lua vai tá cheia e no mesmo lugar!"


[♥]

ADP -

"confusa confusa confusa.."

e pra piorar, ontem saí, bebi e fiquei pensando a noite inteira no tal amor.
preciso voltar a ter meus pézinhos mais no chão.. ta difííííícil;
vou seguir alguns 'bons conselhos'..
comprar muito doce, refrigerante e assistir um filme bem violento, sangrento que não tenha nada a ver com o amor e seus derivados. ¬¬'

vo assistir Jason, é!
JAAAAAASON! MUAUHAUAHUAHUAHAUHUA..

pessoa com ADP*, meio psicopata, insensível, encalhada e com o cabelo ruim! ¬¬'
bad day..BAD DAY! ;x


________
*ADP: Ataque de Pelanca..isso porque eu nem tenho pelanca!

convença-me! ;*

[...]
voltaaaaaaaaamos a "estaca 0".. é, perdi a esperança nos homens de hoje em dia.. o que os faz pensar ou o que lhes dá o direito de brincar com o que eu sinto ou de pensarem que eu sou igual a qualquer outra? Não basta tudo o que eu faço e SOU? Okay. (Y)
Tá certo, que agora eu sou uma mulher, muito mais pé no chão do que há exato um ano atrás, eu mudei absurdamente, tripliquei minhas amizades, saio todo fds, tenho amigos de verdade;

não tenho medo NENHUM de dar a cara pra bater, de amar de novo e de me fuder de novo, NÃO; mas eu quero ficar distante deles, por um bom tempo.
O que acontece!? Será que eu sou tão nauseante? Tão difícil, complicada? Ou eles têm medo de se envolver com alguém que realmente vale a pena, porque eu sim, valho e muito a pena!
Mas agora entramos pra um novo capítulo..eu até o denominaria como "convença-me!"
Sim, porque a partir de AGORA, todos os homens são exatamente IGUAIS e SE houver algum preocupado com o que eu penso sobre ele, "convença-me" a acreditar que ele é diferente, então..certo?! Cansei das palavras e de alguns gestos gentis; agora será necessário muito mais que isso pra me fazer acreditar em alguém.
E eu não sou injusta, eu simplesmente tenho agido como a vida tem me ensinado e a maioria deles TAMBÉM!

Desabafei, e logo estarei indo tomar um banho delicioso, porque uma partida de sinuca me espera,
to numa NICE, brotos! ;)

pls, don't leave me! ♥

Eu me tornei tão nauseante?
O que houve com você que me fez agir deste jeito?
Eu nunca tinha sido tão safada..
Você pode me dizer se tudo isso é apenas um protesto?
O vencedor será aquele que for mais sucedido
Mas baby, eu não quis dizer isto..
É sério, eu juro..
#
Por favor, não me deixe!
#
Eu esqueci de dizer bem alto o quão lindo você é pra mim!
Eu não posso ficar sem, você é meu saco de pancadas perfeito!
E eu preciso de você,
Me desculpe...

• quem tem amor na vida, tem sorte!

meu coração, minha fortaleza..
"eu prefiro sangrar com cortes de amor, do que viver sem cicatrizes"

#

eu não tenho medo; eu sei o que quero e sei até onde posso chegar.
e quantos segredos traz meu coração de mulher!

valkíria!


alma de valkíria!? Quem dera...!? ♥

[...]
' e refletindo sobre tudo, ela lembrou que pode arrumar o cabelo do melhor jeito, pode ter os olhos tão lindamente maquiados, vestir o mais caro e belo dos vestidos, mas ela ainda espera por alguém que a reconheça além dos tecidos, das maquiagens e dos penteados.. "

- eu escrevi isso!
...eu agradeço por tudo que eu sou, penso e sinto, sabe.. refleti mais um pouco e percebi que sou feliz! =]


[embora eu tenha os desejos, as vontades e os pensamentos de uma valkíria,
eu ainda tenho algo a cumprir antes de correr atrás do meu verdadeiro sonho.]

- ...

- cada dia que passa, eu tenho mais certeza de que minha alma está completa, porque eu sinto que nasci completa, e infelizmente desacredito do amor que meu coração procura;
ele não existe.
a não ser que exista alguém no mundo, sem 'alma' onde eu possa doar metade da minha?
será possível!?


(me assustei agora com essa possibilidade O.o')
deixa isso pra lá..pensei e falei MERDA! ¬¬'

..melhor eu ir dormir, e esperar que venha uma maravilhosa terça-feira!

amor à primeira vista?!

[...]
..não é amor à primeira vista;
talvez seja destino!
com o tempo você percebe como as coisas funcionam,
e então todas as suas expectativas e idéias do 'cara perfeito' desaparecem;
pois você descobre que é o amor que transforma as pessoas, que atrai ou faz você se encantar com alguém, mas o amor (de verdade)..só vem com o tempo!

- o destino lhe dá a oportunidade, mas o amor..vem de dentro!

sinônimos. ♥


Quanto tempo o coração leva prá saber
Que o sinônimo de amar é sofrer...
No aroma de amores pode haver espinhos
É como ter mulheres e milhões
E ser sozinho..
Na solidão de casa, descansar;
o sentido da vida, encontrar.
Quem pode dizer onde a felicidade está..
#
O amor é feito de paixões e quando perde a razão,
não sabe quem vai machucar!
Quem ama nunca sente medo de contar o seu segredo,
sinônimo de amor é amar...
#
Quem revelará o mistério que tem a fé.
E quantos segredos traz o coração de uma mulher.
Como é triste a tristeza mendigando um sorriso.
Um cego procurando a luz na imensidão do paraíso.
Quem tem amor na vida, tem sorte!
Quem na fraqueza sabe ser bem mais forte.
Ninguém sabe dizer onde a felicidade está...

valkyries!

[...]
"Mas a rotina não se alterava muito: viajar, falar nas praças, executar rituais..e seguir adiante.
E namorar. Namoravam homens que encontravam no caminho. Geralmente eram viajantes solitários, montados em possantes motocicletas, com coragem suficiente para se aproximar do grupo. Quando isso acontecia, havia um acordo - não escrito - de que Vahalla teria o direito da primeira escolha. Se ela não se interessasse, qualquer outra poderia se aproximar do homem recém-chegado. Os homens não sabiam disso. Tinham a sensação de que estavam com a mulher que tinham escolhido - embora a escolha já tivesse sido feita muito antes. Por elas.
As Valkírias bebiam cerveja e falavam em Deus. Executavam rituais sagrados e namoravam nas rochas. Nas cidades maiores, iam para um lugar público representar a estranha peça de teatro - que envolvia algumas pessoas da platéia.
No final, pediam que colaborassem com algumas moedas. Vahalla nunca participava do espetáculo - mas dirigia o que estava acontecendo, e depois passava seu lenço entre os presentes. Sempre conseguia recolher dinheiro suficiente."


[...]
As Valkírias - Paulo Coelho.

;D

· ah, era uma sexta-feira a noite e fria; passava um filme bom na televisão, mas ainda não foi o suficiente pra me tirar da frente do computador, eu andava tão viciada em internet; talvez não viciada em internet, mas na expectativa de que "o príncipe" aparecesse nela a qualquer momento.
'e cadê o príncipe que eu tanto esperava?'
- não sei, deve estar sentado em albuma banqueta de barzinho, tomando cerveja e papeando com os amigos, falando de mulheres, ou até mesmo pode ter ficado em casa..
'ele ao menos, deveria entrar na net..
' mas não entrou!

[...]

me peguei fuçando o orkut de um 'ex'.. mas isso vem acontecendo há um bom tempo..
será que eu não o esqueci ou é total falta do que fazer (ou fuçar?). Eu tenho pensado seriamente nisso, mas tô começando a me convencer de que é total falta do que fazer; é difícil a gente se desprender de um assunto mal resolvido, sempre fica aquela 'coisa no ar', coisas que você deveria ter falado ou precisaria ter ouvido pra acreditar e pra aceitar que, definitivamente, acabou!

[...]

mas, agora voltando pro lado bom da vida, amigas não me faltam..
companheiras de copo, de bar, de sábados, domingos, companheiras de sinuca, de internet, as BEST's cara! Elas tem sido minha salvação.. não me vejo mais naquela vida, assistindo a filmes de amor, escrevendo poemas e poemas de amor, pé na bunda, sofrimento, e o caralho a quatro.. agora é só curtir e esperar que o 'verdadeiro príncipe, merecedor da minha MÃO' (HAHAHAHA) venha ;D

.. enquanto isso, eu PRECISO curtir a minha vida, já sofri demais DJOW!
xô, acabou..ufa, desabafei! xD



Hoje, pouco antes de dormir, eu vi no espelho uma mulher de cabelos longos, castanhos, cacheados e levemente bagunçados; que trazia um sorriso no rosto e uma incerteza também; ela vive o melhor momento da sua vida, ela tem os melhores amigos, ela não pára em casa, curte a vida intensamente, mas ainda assim, ela espera encontrar algo que a deixe 100%.. que a complete; mas como todos sabem, sempre há um motivo para não se sentir bem o suficiente.. e refletindo sobre tudo, ela lembrou que pode arrumar o cabelo do melhor jeito, pode ter os olhos tão lindamente maquiados, vestir o mais caro e belo dos vestidos, mas ela ainda espera por alguém que a reconheça além dos tecidos, das maquiagens e dos penteados.. Alguém diferente, alguém novo que a divirta, que dê a atenção que ela merece, o carinho que ela adora, a paz que ela precisa e uma nova 'felicidade'.. que ela ainda não viveu.


_____________________ #

• AMOR x SEXO




Amor é propriedade. Sexo é posse.
Amor é lei. Sexo é invasão.
O amor é uma construção do desejo. Sexo não depende de nosso desejo, nosso desejo é que é tomado por ele.
Ninguém se masturba por amor. Ninguém sofre com tesão.
Amor e sexo são como a palavra farmakon em grego: remédio ou veneno – depende da quantidade ingerida.
O sexo vem antes. O amor vem depois.
No amor, perdemos a cabeça, deliberadamente. No sexo, a cabeça nos perde.
O amor precisa do pensamento. No sexo, o pensamento atrapalha.
O amor sonha com uma grande redenção. O sexo sonha com proibições; não há fantasias permitidas.
O amor é o desejo de atingir a plenitude. Sexo é a vontade de se satisfazer com a finitude.
O amor vive da impossibilidade – nunca é totalmente satisfatório. O sexo pode ser, dependendo da posição adotada.
O amor pode atrapalhar o sexo. Já o contrário não acontece.
Existe amor com sexo, claro, mas nunca gozam juntos.
O amor é mais narcisista, mesmo na entrega, na doação. Sexo é mais democrático, mesmo vivendo do egoísmo.
Amor é um texto. Sexo é um esporte.
Amor não exige a presença do outro. O sexo, mesmo solitário, precisa de uma mãozinha.
Certos amores nem precisam de parceiro; florescem até na maior solidão e na saudade.
Sexo, não – é mais realista. Nesse sentido, amor é uma busca de ilusão. Sexo é uma bruta vontade de verdade.
O amor vem de dentro. O sexo vem de fora.
O amor vem de nós. O sexo vem dos outros.
“O sexo é uma selva de epilépticos” (Nelson Rodrigues).
O amor inventou a alma, a moral. O sexo inventou a moral também, mas do lado de fora de sua jaula, onde ele ruge.
O amor tem algo de ridículo, de patético, principalmente nas grandes paixões. O sexo é mais quieto, como um caubói – quando acaba a valentia, ele vem e come.
Eles dizem: “Faça amor, não faça a guerra”. Sexo quer guerra.
O ódio mata o amor, mas o ódio pode acender o sexo.
Amor é egoísta. Sexo é altruísta.
O amor quer superar a morte. No sexo, a morte está ali, nas bocas.
O amor fala muito. O sexo grita, geme, ruge, mas não se explica.
O sexo sempre existiu – das cavernas do paraíso até as “saunas relax for men”.
Por outro lado, o amor foi inventado pelos poetas provençais do século XII e, depois, relançado pelo cinema americano da moral cristã.
Amor é literatura. Sexo é cinema.
Amor é prosa. Sexo é poesia.
Amor é mulher. Sexo é homem – o casamento perfeito é do travesti consigo mesmo.
O amor domado protege a produção. Sexo selvagem é uma ameaça ao bom funcionamento do mercado.
Por isso, a única maneira de controlá-lo, programá-lo é como faz a indústria da sacanagem. O mercado programa nossas fantasias.
Não há “saunas relax” para o amor, onde o sujeito entre e se apaixone. No entanto, em todo bordel, finge-se um “amorzinho” para iniciar.
O amor virou um estímulo para o sexo. O problema do amor é que dura muito, já o sexo dura pouco.
Amor busca uma certa grandeza. O sexo é mais embaixo.
O perigo do sexo é que você pode se apaixonar. O perigo do amor é virar amizade.
Com camisinha, há sexo seguro, mas não há camisinha para o amor.
O amor sonha com a pureza. Sexo precisa do pecado.
Amor é a lei. Sexo a transgressão.
Amor é o sonho dos solteiros. Sexo, o sonho dos casados.
Amor precisa do medo, do desassossego. Sexo precisa da novidade, da surpresa.
O grande amor só se sente na perda. O grande sexo sente-se na tomada de poder.
Amor é de direita. Sexo, de esquerda – ou não, dependendo do momento político.
Atualmente, sexo é de direita.
Nos anos 60, era o contrário...
...sexo era revolucionário e o amor era careta.












(Arnaldo Jabor)

Raquel, 19 anos.

Raquel, 19 anos.
Se na vida eu apanho, outras vezes eu bato, mas trago a minha blusa aberta e uma rosa em botão!

moonfate ♥


Conheci uma mulher,
cujo sorriso brilhava

mesmo nunca tendo a visto, muitas vezes eu senti
seu olhar a me sorrir.

Sua alma era irmã da minha,
e em cada sonho que tinha

para lá eu me transportava,
por desejar ardentemente

ser como ela, pura alegria.

Um dos desejos que eu tinha, mais que tudo nesse mundo:
vê-la feliz e contente,
envolta na própria magia.


Mas ela me confessou,
com irreverência e desdém

ter o destino da lua:
'que a todos encanta e,
não é de ninguém.'


Eu pude ver claramente,
que a sua alma tão meiga

não era irmã simplesmente..
era cópia fiel da minha..
feliz ou infelizmente!

Sou uma filha da natureza:

quero pegar, sentir, tocar, ser.
E tudo isso já faz parte de um todo, de um mistério.
Sou uma só... Sou um ser.
E deixo que você seja. Isso lhe assusta?
Creio que sim.
Mas vale a pena.
Mesmo que doa.
Dói só no começo.